sábado, 18 de junho de 2016

Na aula de dança do ventre

Priscila Genaro
Ao iniciar a aula de dança do ventre é importante o preparo do corpo para a atividade, se será uma aula de técnicas de quadril a enfase no aquecimento e alongamento será na lombar, pernas, coxas e abdome, se será uma aula com bastão o preparo será para os braços, punhos e ombros. Embora essa regra seja muito útil, o aquecimento e alongamento global do corpo é mais eficiente.
O aquecimento pode ser feito com os próprios movimentos específicos da dança, porém de forma mais precisa e cuidadosa, observando a reação dos músculos e articulações, buscando a amplitude dos movimentos conscientemente.O corpo bem preparado evita lesões articulares e musculares.
A maioria das pessoas que buscam a dança do ventre querem uma prática física ou uma forma de lazer, assim o trabalho corporal global prévio prepara o corpo em sua totalidade, o aluno se beneficiará de uma atividade integral favorecendo o desenvolvimento do corpo como todo.
Com a prática da dança do ventre acontece o aumento do tônus muscular, aumento da capacidade aeróbica e o desenvolvimento da psicomotricidade de forma considerável. Porém fazer uso da dança do ventre como uma atividades condicionante do corpo exige uma prática diária e sistemática. 
A dança é uma atividade prazerosa por isso outros benefícios estão agregadas a ela que falaremos em um outros momentos.

Se cadastre no link abaixo e receba os conteúdos e os materiais de estudo em seu email: http://fidescultural.klickpages.com.br/inscricao-base?preview=true

Priscila Genaro e FIDES Centro de Cultura Lazer e Saúde oferecem cursos de Dança do Ventre para todos os objetivos:
  • Para quem quer fazer uma atividade física alegre, de baixo impacto, que queima calorias, fortalece a musculatura, favorece amizades e combate o estresse: Aulas Convencionais.
  • Para quem quer ser profissional,  dar aulas e tem tempo disponível: Curso de Formação e Capacitação de Professores de Dança do Ventre Extensivo.
  • Para quem quer ser profissional,  dar aulas e não tem tempo disponível: Curso de Formação e Capacitação de Professores de Dança do Ventre Intensivo.
  • Para quem quer ser profissional,  dar aulas e está fora de São Paulo: Curso de Formação e Capacitação de Professores de Dança do Ventre Extensivo. Curso on-line ( Breve)
  • Para quem quer fazer uma atividade física alegre e baixo impacto, não tem tempo disponível ou está fora de São Paulo: Aulas Convencionais on-line ( Breve)
Fides – Aprenda Dança do Ventre de Forma Diferente


sexta-feira, 10 de junho de 2016

Musica Árabe, ouvindo a musica na aula de dança do ventre - parte II ritmos árabes

O estudo na musica se faz necessário para o bailarino saber que estilo de dança irá realizar. Na musica árabe a percussão é muito marcante, reconhecer os ritmos ou células rítmicas é imprescindível para uma dança coesa. Porém não é só os ritmos que define o estilo da musica.
Lembrando:
Como já foi falado no texto anterior, a musica é composta por várias partes, de acordo com a minha compreensão considero importante o estudo das seguintes:
  • os ritmos ou células rítmica ;
  • a textura musical;
  • forma da musica;
  • tempo ou andamento da musica
Muitos bailarinos dançam apenas no tempo, ignoram as diversas variações que a musica apresenta. A Dança do Ventre pede mais, pede que o bailarino represente o som com seu corpo, transforme a musica que não é palpável, intangível em algo tangível, o corpo que dança é o corpo transformado em musica, sem dicotomias, Se retirado o som de uma apresentação o público poderá identificar que som está sendo realizado naquele momento através do corpo do bailarino.
Para saber o estilo da dança, é necessário saber o estilo da musica que é mais facilmente identificado quando observamos a textura, quantas vozes estão sendo realizadas, em quantas partes a musica é composta, qual a origem da musica que região ela representa. Ouvindo e analisando, percebendo cada detalhe da composição certamente a dança está de acordo com o estilo musical.
No improviso, o estudo favorece a percepção do que vem a seguir, como também já foi dito no texto anterior, o estudo lhe dá a possibilidade de antever a musica. Conhecendo os diversos estilos musicais e não decorando musicas o improviso se torna fácil e tranquilo. 

No vídeo a seguir há o relato de um episodio interessante que vivi quando comecei a dançar que me lançou ao estudo da musica árabe. E também uma dança gostado ao som do solo de derbak realizado por Natacha Ayme, longe dos olhos do público, após a apresentação da Mostra de Natal realizado pelo FIDES Centro de Cultura, Lazer e Saúde, momento de descontração e relaxamento. 

Neste outro vídeo o solo na integra:


Se cadastre no link abaixo e receba os conteúdos e os materiais de estudo em seu email: http://fidescultural.klickpages.com.br/inscricao-base?preview=true

Priscila Genaro e FIDES Centro de Cultura Lazer e Saúde oferecem cursos de Dança do Ventre para todos os objetivos:
  • Para quem quer fazer uma atividade física alegre, de baixo impacto, que queima calorias, fortalece a musculatura, favorece amizades e combate o estresse: Aulas Convencionais.
  • Para quem quer ser profissional,  dar aulas e tem tempo disponível: Curso de Formação e Capacitação de Professores de Dança do Ventre Extensivo.
  • Para quem quer ser profissional,  dar aulas e não tem tempo disponível: Curso de Formação e Capacitação de Professores de Dança do Ventre Intensivo.
  • Para quem quer ser profissional,  dar aulas e está fora de São Paulo: Curso de Formação e Capacitação de Professores de Dança do Ventre Extensivo. Curso on-line ( Breve)
  • Para quem quer fazer uma atividade física alegre e baixo impacto, não tem tempo disponível ou está fora de São Paulo: Aulas Convencionais on-line ( Breve)
Fides – Aprenda Dança do Ventre de Forma Diferente




quarta-feira, 1 de junho de 2016

Musica Árabe, ouvindo a musica na aula de dança do ventre.


Estudar as musicas é uma das prioridades na aula de Dança do Vente. Mas como fazer este estudo? Está é uma questão sempre em pauta para quem está começando a estudar a prática desta arte tão peculiar, tão cheia de detalhes.
É muito comum os estudos da musica árabe ficarem restritos ao ritmo, porém a musica tem outras partes tão importantes quanto. Analisar e compreender a textura da musica favorece a interpretação, pois cada instrumento ou voz possui um timbre diferente lhe atribuindo uma personalidade a ser destacada na musica e consequentemente na dança. Fato perceptível num taksin, quando executado com o nay deve ser interpretado de uma forma diferente de quando executado no alaude.

A forma da musica também é importante, saber distinguir a introdução das demais partes da musica facilita na hora de compor uma coreografia com começo meio e fim.

Para facilitar os estudo proponho um roteiro. Ouça a musica várias vezes em cada vez observe um aspecto:

1º Qual o pulso, o tempo da musica;
2º Observe a textura, quantas vozes apresenta. (instrumentos, incluindo vocal);
3º Identificar a célula rítmica ou ritmo como é mais conhecido; 
4º Observar a forma, diferenciar as partes da musica.

Muitas pessoas fazem isso naturalmente, mas a maioria requer estudo e acuidade auditiva para perceber todos estes itens. Estudando e apurando a audição o bailarino terá mais subsídios para coreografar aproveitando melhor a musica e todas as suas nuances.
Saber dançar, também é saber ouvir.
No vídeo a seguir você assistirá um pequeno trecho da aula de introdução do módulo de musicalidade realizada pelo professor de musica Paulo Genaro do FIDES Centro de Cultura Lazer e Saúde, onde ele explica as partes da musica.



Se cadastre no link abaixo e receba os conteúdos e os materiais de estudo em seu email: http://fidescultural.klickpages.com.br/inscricao-base?preview=true

Priscila Genaro e FIDES Centro de Cultura Lazer e Saúde oferecem cursos de Dança do Ventre para todos os objetivos:
  • Para quem quer fazer uma atividade física alegre, de baixo impacto, que queima calorias, fortalece a musculatura, favorece amizades e combate o estresse: Aulas Convencionais.
  • Para quem quer ser profissional,  dar aulas e tem tempo disponível: Curso de Formação e Capacitação de Professores de Dança do Ventre Extensivo.
  • Para quem quer ser profissional,  dar aulas e não tem tempo disponível: Curso de Formação e Capacitação de Professores de Dança do Ventre Intensivo.
  • Para quem quer ser profissional,  dar aulas e está fora de São Paulo: Curso de Formação e Capacitação de Professores de Dança do Ventre Extensivo. Curso on-line ( Breve)
  • Para quem quer fazer uma atividade física alegre e baixo impacto, não tem tempo disponível ou está fora de São Paulo: Aulas Convencionais on-line ( Breve)
Fides – Aprenda Dança do Ventre de Forma Diferente



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...